O que a vitória de Trump tem para ensinar às empresas?


Na última quarta-feira (09/11) o mundo acompanhou a vitória do candidato republicano, Donald Trump. Para alguns foi uma surpresa, para outros nem tanto.


No mundo dos negócios, o que sabemos é que todo empreendedor deve assumir riscos calculados e que é decisivo para o sucesso de uma empresa saber diagnosticar tendências e variáveis do cenário em que está inserido.


Mas, vamos ao que interessa, afinal, o que a vitória de Trump tem a ensinar a você, empreendedor?


1. O jornalismo de massa não informa


A primeira grande lição que a vitória de Trump ensina é que as empresas jamais devem usar como parâmetro o que a grande mídia prevê ou diz informar, principalmente no Brasil, cuja mídia não disfarça tendenciosidade. Empresa que se baseia nos meios de comunicação de massa vai estar fadada ao fracasso, simplesmente porque o jornalismo mundial não está nem um pouco preocupado com a realidade, apenas em propaganda ideológica.

Quem acompanhou a cobertura das eleições americanas sabe que a mídia brasileira foi parcial o tempo todo, divulgando escândalos apenas de um dos lados.

As pesquisas de intenção de votos apresentadas também não condiziam com a realidade e levavam os telespectadores a preverem uma vitória de Hillary Clinton. Muitos investidores perderam dinheiro, como foi o caso do empresário Carlos Slim que, de acordo com a Forbes, perdeu US$ 1,7 bilhão com o resultado. Deixar de ouvir a "maioria silenciosa" pode custar muito caro para sua empresa.


2. O povo está cansado de ativismo


Donald Trump provou mais uma vez que o povo está cansado de militância ideológica. Mais um motivo para você, empresa não se envolver com propagandas que ferem os valores universais como o direito à vida, a religião, a família, os bons costumes.

O seu público é formado de pessoas reais, gente que tem valores sólidos e que pode (e deve) boicotar seus produtos/ serviços se perceber que seu posicionamento de mercado fere seus princípios e convicções.


3. O mundo quer soluções reais


O povo gosta de gente que fala a linguagem deles e a sua empresa precisa aprender isso. Donald Trump sabia disso quando suas propostas foram voltadas a solucionar os problemas reais da população. Todos sabem que os norte-americanos vem sofrendo com a onda de imigração ilegal, com o aumento da criminalidade, com a falta de soberania do país - entre outras coisas - e sua campanha foi maciçamente voltada para isso. O povo não queria a América globalista de Hillary e Obama, eles querem a América que foi no passado, com diz o slogan da campanha Trump “Fazer a América grande outra vez.".


4. Menos clichês, mais personalidade


Donald Trump não é nenhum exemplo moral a ser seguido, mas convenhamos que ele tem personalidade. Independente de gostar dele ou não, isso é uma lição que você precisa levar para a sua empresa: o público quer espontaneidade, quer que a sua empresa mostre que é diferente, que não tem medo de se impor e de mostrar soluções.

O mundo quer gente que fale com o coração e menos clichês do tipo "machista, racista, e alguma coisa -fóbico". O povo cansou de ser insultado como coletivo e quer ser tratado como indivíduo.



5. A internet derrubou a ditadura da grande mídia


A internet foi decisiva na vitória de Trump e em vários outros fatos da atualidade como o Brexit. Pela primeira vez em décadas o povo está agindo no sentido contrário do incentivado pela mídia, isso se deve a interação e dinamismo que a internet nos proporcionou.

Foi-se o tempo em que a televisão era a única fonte majoritária de informação. Infelizmente no Brasil ainda é bem significativa a influência da TV, mas a tendência é de que cada vez mais a televisão perca espaço para a internet. Hoje qualquer pessoa pode ser fonte de informação através de blogs, podcats, redes sociais, hangouts, e-books, etc. E, muitas vezes, passa muito mais credibilidade do que os grandes veículos de comunicação.

Se a internet tem todo esse poder, sua empresa precisa ter presença online. Caso contrário, você não irá dialogar com um público cada vez mais ávido por autenticidade.



Quer conhecer melhor o seu público e ter uma presença online forte? Fale conosco: clique aqui!


Um grande abraço!


Ana Flávia F. Farias

CEO da Laço Criativo.

#Trump #EleiçõesAmericanas #Empresas #Jornalismo

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Nenhum tag.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Designed by Laço Criativo